Projeto Unidade de Neuroestimulação (UNE)

Copyright ©2018

A Fundação AFID apresentou em 2017 uma candidatura ao Prémio BPI Sénior para o desenvolvimento de uma Unidade de Neuroestimulação destinada a apoiar as Pessoas com Demência e as suas famílias. Este projeto obteve uma menção honrosa e está a ser implementado desde janeiro de 2018 na ERPI (Estrutura Residencial para Pessoas Idosas) AFID Geração situada em Alfragide, concelho da Amadora.

A Demência trata-se de uma alteração progressiva da memória e de outras funções cognitivas. As pessoas que desenvolvem uma demência, além das alterações significativas ao nível da memória, apresentam danos em múltiplas funções cognitivas como, por exemplo, desorientação pessoal, espacial e temporal, afasia, apraxia, acalculia, dificuldades no desenho, dificuldades no planeamento e execução de tarefas complexas que no seu conjunto refletem uma desorganização funcional e afetam o desempenho nas atividades de vida diária.

Em Portugal, estima-se que existam cerca de 153.000 pessoas com demência, dos quais 90.000 com Doença de Alzheimer. Todos os anos 1,4 milhões de cidadãos europeus desenvolvem demência. Atendendo ao aumento do número de casos de demência, a par com o crescente envelhecimento da população, têm surgido nos últimos anos alguns tratamentos e intervenções que possibilitam um maior controlo (e eventual desaceleramento) desta doença. Tratam-se, sobretudo, de intervenções farmacológicas e intervenções neuropsicológicas de acordo com a pessoa em causa e a própria fase da doença.

No âmbito da Unidade de Neuroestimulação realizamos uma avaliação neuropsicológica, aferindo em concreto as funções alteradas e mantidas e a gravidade dessas alterações. Segue-se o desenvolvimento de um programa terapêutico não-medicamentoso adequado à Pessoa com Demência, o que pode implicar atividades de estimulação motora, cognitiva e/ou sensorial, de relaxamento e outros treinos específicos de atividades de vida diária, entre outras atividades.

Este projeto tem um triplo enfoque: promover um melhor acompanhamento da população atendida na Estrutura Residencial para Pessoas Idosas (ERPI) e no Serviço de Apoio Domiciliário (SAD); aumentar a resposta ao nível do apoio às pessoas com demência e suas famílias através de uma unidade especializada aberta ao exterior; e promover resposta integrada de intervenção multidisciplinar assente em métodos intensivos de estimulação.

A Unidade de Neuroestimulação está aberta de segunda a sábado, das 9:00 às 18:00, mediante pagamento adicional e apenas durante a semana, de acordo com as necessidades e disponibilidades de cada um dos familiares/cuidadores. com a possibilidade de ser prolongado até às 22:00 horas, de acordo com as necessidades e disponibilidades de cada um dos familiares/cuidadores. Tem uma perspetiva de intervenção focalizada e centrada em cada um dos clientes, através de um plano individualizado e multidisciplinar que inclui atividades ocupacionais terapêuticas (e.g., pintura, música, movimento, relaxamento), atividades de estimulação cognitiva (e.g., treinos de leitura e escrita, exercícios de memória, reminiscências, treino de emoções) e atividades de estimulação sensorial (e.g., atividades sensoriais, mobilizações e sessões de Snoezelen).

Copyright ©2018
IMG_4601
IMG_4603
IMG_5040
2da2d8c2-71ee-4e94-81c7-12c65165c685
AAZE7002

Atualizado em 13-Nov-2018 | Partilhar:

Entre em Contacto

Telefone (+351) 214 724 040
Email: info@afid.pt
R. Quinta do Paraíso, Alto Moinho
2610-316 Amadora, PORTUGAL

Livro de Reclamações
(Email: fundacao@fund-afid.org.pt)

2018 ©

Rodapé PT

Fundação AFID DiferençaTermos LegaisSiga-nos no FacebookCanal YouTubePerfil TwitterSiga-nos no InstagramSiga-nos no LinkedIn
 
Certificações