Mediação profissional e laboral de pessoas com deficiência

Copyright ©2019

O tema da integração laboral de pessoas com deficiência começa agora a assumir maior relevância, em especial após a imposição legal de quotas às empresas para integração laboral deste público específico, que entrou em vigor no início do ano. No entanto, este é ainda um assunto a ser muito discutido e trabalhado, tanto pelo desconhecimento da sociedade em geral quanto aos vários tipos possíveis de deficiência, como da forma como lidar com os mesmos.

As pessoas com deficiência ainda são vistas, por muitos, como pessoas sem capacidades e/ou sem competências, muito dependentes de terceiros para a realização das suas atividades de vida diárias.

Devemos ter presente que existem vários graus de deficiência, desde os profundos e dependentes aos mais ligeiros e autónomos, e quem convive com este público compreende que a sua condição é, frequentemente, apenas uma questão orgânica e/ou física entre tantas outras características, que os tornam competentes e aptos a realizar tarefas tal como outra pessoa que não tenha uma incapacidade visível.

No que respeita à vertente profissional deste grupo específico, o objectivo principal da mediação é devolver a estas pessoas a sua autonomia, ajudando-as na sua integração e inclusão, potenciando a sua colocação no mercado de trabalho aberto, em situação de igualdade com todos os públicos.

A Fundação AFID Diferença integra desde o início o grupo de entidades sociais que constituem o Programa Incorpora Portugal. O Programa Incorpora, iniciado há mais de 10 anos em Espanha e impulsionado pela Obra Social ”la Caixa”, facilita oportunidades de trabalho a pessoas que têm mais dificuldades em encontrar um emprego. Do mesmo modo, o programa ajuda as empresas a encontrar pessoal qualificado, gerir os seus processos de seleção e reforçar a sua responsabilidade social corporativa

Na área de Lisboa são 14 as instituições envolvidas no Programa, existindo em cada uma delas uma equipa de técnico de acompanhamento e de técnico de prospecção empresarial. Os técnicos das instituições trabalham em rede para facilitar a integração laboral de grupos sociais vulneráveis em empresas de todos os setores. Trata-se de um trabalho de colaboração e partilha que se consegue graças a uma metodologia colaborativa que se vai renovando constantemente em função das necessidades do mercado.

Neste coletivo de pessoas em situação de vulnerabilidade, estão incluídas as pessoas com deficiência, pelo que aqui detemos mais uma ferramenta para trabalhar positivamente com o nosso público-alvo. Na Fundação AFID, dada a proximidade física dos técnicos, temos a possibilidade de articular directamente e conhecer melhor os beneficiários. Identificando a sua situação socioeconómica, as suas capacidades, competências e dificuldades, conseguimos desenvolver um apoio personalizado na procura ativa de emprego.

Nas situações de inserção laboral pelo programa Incorpora, o trabalho de acompanhamento e mediação junto do beneficiário como da empresa continua após a contratação, possibilitando apoio tanto à empresa como ao beneficiário nesta fase de ajuste inicial, potenciando assim o sucesso da integração.

Importa recordar que, como em todos os públicos, a (re)inserção profissional despoleta mudanças positivas nas outras áreas de vida dos beneficiários e naturalmente se reflete em todos os que rodeiam a pessoa com deficiência.

A mediação profissional e laboral das pessoas com deficiência pretende, assim, tanto fomentar a mudança da consciência social e empresarial como corresponder às medidas já existentes de responsabilidade social das empresas, apoiando simultaneamente o desenvolvimento e aplicação das suas capacidades e competências dos beneficiários, estimulando relações duradouras de estabilidade e confiança.

A Fundação AFID, entre muitas outras vertentes, trabalha diariamente neste sentido de promoção de autonomia, combatendo a exclusão e empenhando-se na mediação profissional das pessoas com deficiência.

Texto da autoria de: 

Sara Martins, Assistente Social e Técnica de Acompanhamento do Programa Incorpora na Fundação AFID Diferença;

Maria Câmara, Técnica de Prospeção Empresarial do Programa Incorpora na Fundação AFID Diferença.

https://www.afid.org.pt/

https://pt.incorpora.org/pt

Copyright ©2019
Copyright ©2019
Copyright ©2019
Copyright ©2019
Copyright ©2019
Copyright ©2019
Copyright ©2019

Atualizado em 20-Ago-2019 | Partilhar:

Entre em Contacto

Telefone (+351) 214 724 040
Email: info@afid.pt
R. Quinta do Paraíso, Alto Moinho
2610-316 Amadora, PORTUGAL

Livro de Reclamações
(Email: fundacao@fund-afid.org.pt)

2019 ©

Rodapé PT

Fundação AFID DiferençaTermos LegaisSiga-nos no FacebookCanal YouTubePerfil TwitterSiga-nos no InstagramSiga-nos no LinkedIn
 
Certificações