Pedro Carvalho e um sonho tornado realidade!

Copyright ©2018

“Se podemos sonhar, também podemos tornar os nossos sonhos realidade”. As palavras foram proferidas por Tom Fitzgerald, antigo jogador de hóquei em gelo, mas podiam ter sido ditas pelo Pedro Carvalho. Cliente do nosso Centro de Atividades Ocupacionais (CAO) desde 2009, sempre ambicionou fazer parte da família Fnac. O desejo foi ganhando corpo e em 2015 concretizou-se.  “Sempre tive este desejo e estou muito feliz”, revela.

O dia do Pedro começa cedo. Com um sorriso estampado na face e com uma energia contagiante, que irrompe pelos corredores da loja Fnac do Centro Comercial Allegro, em Alfragide. As tarefas estão definidas e são cumpridas, de forma escrupulosa, de segunda a sexta-feira, entre as 9:00 até às 12:00 horas.

“As minhas funções são várias: faço a alteração de preços dos produtos, quando é necessário, verifico se os jogos estão bem expostos nas prateleiras, ligo as televisões quando chego à loja, faço as alterações dos preços, trato das correspondências e gosto muito de tudo o que faço”, detalha o nosso Pedro Carvalho, que tem a preciosa ajuda de uma equipa sempre disponível e amiga.

“Vamos fazendo as coisas ao ritmo dele, sem stresses. Temos de ser pacientes. Está bem entrosado. É metódico a desempenhar as funções. É um privilégio trabalhar com o Pedro. É preciso ter muita paciência com ele, podemos explicar as coisas dez vezes, se for preciso, mas ele chega lá. Assimila tudo. E tem muito facilidade em fazer os trabalhos que requerem mais repetição. É uma pessoa pura, genuína, não tem nenhuma maldade e gostamos todos na FNAC de estar com ele”, sublinha Bruno Fonseca, responsável pela área de Gaming do espaço comercial.

Palavras corroboradas por Bruno Ramos, outro elemento da equipa da Fnac que trabalha diretamente com o nosso Pedro.

“Ele tem uma excelente memória, é uma pessoa que trabalha bastante. Mas tudo tem de ser feito ao ritmo dele e faz as coisas consoante a metodologia que aplica, muito certinho a fazer as coisas, não falha com nada. Raramente há um pormenor que possa falhar, nada que não aconteça com outras pessoas. Não há nada a apontar ao Pedro. Ele gosta muito de estar aqui e nota-se isso”, sinaliza.

Após mais um dia de trabalho, o Pedro despede-se com um sorriso e revela um desejo: “estou na FNAC há três anos e quero continuar por aqui muito mais tempo” até porque “o futuro pertence àqueles que acreditam na beleza de seus sonhos”, como disse um dia Eleanor Roosevelt.

Texto da autoria de: Leonel Lopes Gomes

Atualizado em 22-Fev-2019 | Partilhar:

Entre em Contacto

Telefone (+351) 214 724 040
Email: info@afid.pt
R. Quinta do Paraíso, Alto Moinho
2610-316 Amadora, PORTUGAL

Livro de Reclamações
(Email: fundacao@fund-afid.org.pt)

2019 ©

Rodapé PT

Fundação AFID DiferençaTermos LegaisSiga-nos no FacebookCanal YouTubePerfil TwitterSiga-nos no InstagramSiga-nos no LinkedIn
 
Certificações